BLOG

DCE

São 2 aptos por andar, com 132,10 m² de área útil, com 1 varanda, 1 sala de jantar e estar, 4 quartos (com 3 suites + 1 reversível), cozinha, área de serviço, DCE, e 02 vagas na garagem. As coberturas são duplex com 5 quartos (com 4 suítes + 1 reversível), piscina e 3 vagas na garagem.

O diretório central dos estudantes deveria lutar pelo fim da dependência completa de empregada

A empregada dos estudantes da central deveria ser contra a dependência completa do diretório

A central de dependência do diretório deveria se opor à empregada completa dos estudantes

Os estudantes em completa dependência da empregada deveriam ter vergonha do diretório central

Postado em 15/07/2007 Blog!

Compartilhe

Sobre o autor

Makely Ka (Valença do Piauí, 1975) é um poeta cantor, instrumentista, produtor cultural e compositor brasileiro. Makely é poeta, compositor e agitador cultural. Atuando em diversas áreas como a música, a poesia e o vídeo. Incorpora à sua produção artística um componente crítico e reflexivo. Autodidata, desenvolveu uma poética musical própria, amalgamando elementos da trova e do aboio de herança ibérica às novas linguagens sonoras urbanas como o rap, do despojamento da poesia marginal ao rigor formal da poesia concreta.

(14) respostas

  1. luiz navarro
    16/07/2007 de 13:16 · Responder

    também quero brincar de palavrear assim!

  2. Cristiana Brandão
    17/07/2007 de 15:54 · Responder

    makely, que colocação feroz e pertinente. adorei! vc também gosta de camille e rodin e paul?! que bom! a primeira vez que vi a DANAIDE perdi o fôlego. depois trocamos mais notas sobre mitologia. abs, cris

  3. Graça Carpes
    18/07/2007 de 03:24 · Responder

    Que bela costura e sem emaranhados fios!
    :)

  4. Beatriz Tavares
    18/07/2007 de 15:13 · Responder

    Que ótimo, Makely! Quando eu crescer quero escrever que nem vc… Contundente, preciso, bem construído! Adoro teu jeito de escrever, tuas músicas e, claro, adoro vc! Beijos!

  5. .,. o que é que eu tenho a ver com isso?.,.
    18/07/2007 de 17:34 · Responder

    Ei, sr. autófago.
    sempre implico com essa siglazinha nojenta > DCE < ...
    adorei o reaproveitamento da banalidade verborréica da indústria imobiliária!
    outra coisa, quero postar uma música! não lembro mais como faço pra linkar naquele lugar que também esqueci o nome….
    help me plissssss!
    bjs

  6. flávia mafra
    18/07/2007 de 17:36 · Responder

    nossa, me esqueci de assinar >
    flávia mafrita
    aguardo contato.

  7. Lucas dos Anjos
    19/07/2007 de 18:08 · Responder

    Legal ler seus escritos. Prabéns

  8. Fernanda Passos
    22/07/2007 de 13:49 · Responder

    Ei! Você engoliu o DCE!rsrsrs.
    Muito boa tua construção “linguística”. ;)
    Quero interpretar da minha forma(cabe vários tipos de interpretação, não é?).
    Bem, o vejo é uma visão paternalista das entidades. Nesse sentido teu texto foi muito preciso pra mim. Eu só poderia compreender assim, na medida em que não sou contra as entidades estudantis, nem quero que elas se acabem. Ao contrário, quero que se fortaleçam.
    Abraços.
    Ah! E quando eu crescer, também quero escrever assim.
    ;)

  9. Fernanda Passos
    22/07/2007 de 13:51 · Responder

    Só por curiosidade: é sobre isso que se refere, não é? Se não, desculpe minha ignorância literária. rsrs.
    bjs.

  10. Fernanda Passos
    22/07/2007 de 13:52 · Responder

    Hummmmmmm. Peguei! Analogia! Fantástico!

  11. Anonymous
    22/07/2007 de 15:48 · Responder

    Concordo com os estudantes!

  12. marden
    22/07/2007 de 15:52 · Responder

    Concordo com o Makely!

  13. chico
    23/07/2007 de 15:54 · Responder

    dependência completa de cú é rola.

    abçs, velho

  14. Anonymous
    07/12/2007 de 13:41 · Responder

    putz! arte política despolitizada…
    despolitizante
    típica de uma juventude envelhecida, que fruto da década de 90, é vazia de sonhos e cheia de concretismos.
    distante da juventude jovem
    que ocupa as reitorias de dentro do peito e arrastam consigo as empregadas, as máquinas, a arte, a política e adespolítica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top