BLOG

estamos em obra para melhor entendê-los!

Postado em 24/08/2006 Blog!

Compartilhe

Sobre o autor

Makely Ka (Valença do Piauí, 1975) é um poeta cantor, instrumentista, produtor cultural e compositor brasileiro. Makely é poeta, compositor e agitador cultural. Atuando em diversas áreas como a música, a poesia e o vídeo. Incorpora à sua produção artística um componente crítico e reflexivo. Autodidata, desenvolveu uma poética musical própria, amalgamando elementos da trova e do aboio de herança ibérica às novas linguagens sonoras urbanas como o rap, do despojamento da poesia marginal ao rigor formal da poesia concreta.

(10) respostas

  1. Makely
    26/08/2006 de 05:02 · Responder

    muito colorido, pouco funcional, muita informação desnecessária, línques não funcionam, imagens não abriram? afinal de contas, o que você quer que eu faça?

  2. bruno brum
    26/08/2006 de 13:46 · Responder

    Boa sorte!

  3. luma
    26/08/2006 de 19:46 · Responder

    Vim correndo pensando ser a primeira comentarista! muita pretensão! (rs*)

    Sugestão de templates http://blogger-templates.blogspot.com

    Felicidades com o novo bloguinho!
    Beijus

  4. Téo Ruiz
    28/08/2006 de 19:33 · Responder

    É isso aí. Vamos ver se os consumidores vão ficar satisfeitos dessa vez.
    Abraço!

  5. matheus matheus
    19/12/2008 de 11:31 · Responder

    1) a um qualquer que ri
    Clara alusão e/ou homenagem à Waly Salomão, um dos meus poetas preferidos de qualquer tempo. E viva Baco! E sejamos todos marinheiros lunares!

  6. matheus matheus
    06/01/2009 de 15:09 · Responder

    2)you don´t know me
    Esta eu nem sei como chama porque recentemente ganhei um cd seu baixado de uma amigo muito especial e não tem o nome das faixas. Mas, muito bacana. Adoro o jeito como você e os seus pronunciam a palavras companhia, que parece ser a forma mais correta. E a citação da “mucama com feitor” é da Transa do Caetano Veloso mesmo, ou é domínio público?

    Boemia Ornamento Esplendor – palavras mui bonitas. Com o vento contra ou a favor.

    Pergunta: por que abandonou a Filosofia (ou pelo menos o curso)?

  7. matheus matheus
    28/02/2009 de 10:56 · Responder

    3)único consolo
    Eu ainda tenho quase 24 e ainda tô vivo, vivinho, vivão. Mas não sei bem ao certo se chego aos 27. E a Amy? Será? A Mariá, com cerveja

  8. matheus matheus
    28/02/2009 de 10:57 · Responder

    4)os cometa
    Versos como erva daninha. Corrosivos e duradouros.

  9. matheus matheus
    28/02/2009 de 10:59 · Responder

    5)os classificados
    Que idéia mais genial! Anúncios gratuitos e de fácil e grande acesso! Forma interessantíssima e eficiente de divulgar seu trampo. Por curiosidade: Alguém se candidatou a alguma vaga? Acho que outro dia vi um poeta amarelo claro passar na minha rua, mas infelizmente o deixei escapar. Esse povo-artista é mui full-gás. Só não sei dizer se tinha mancha no rabo.

  10. makely
    28/02/2009 de 15:36 · Responder

    Olá matheus matheus!

    Bom saber que você gostou do livro. Já faz tanto tempo que publiquei e não tenho mais nenhum exemplar que às vezes me esqueço desse desvio de rota. A propósito, onde você o encontrou? Você fala do Brasil?

    Quanto à filosofia, abandonei porque chegou um momento em que se tornou inconciliável com a carreira artística. Comecei a viajar e faltar às aulas, além de alguns desentendimentos com meus professores e coordenadores, de ordem acadêmica-institucional.

    Um detalhe, você deve ter encontrado esse poste através de uma ferramenta de busca. Mas é o primeiro, postado há mais de dois anos, por isso venho pouco aqui e custei mesmo a descobrir seus comentários. Visite a página aqui:
    http://autofago.blogspot.com
    Assim você terá acesso às últimas postagens!

    Forte abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top