BLOG

Moira

Moira é o primeiro trabalho solo da minha parceira mais constante, a cantora Maísa Moura. Foi quase um ano dentro do estúdio gravando, experimentando timbres, finalizando arranjos, editando e misturando da melhor maneira possível todos os sons! Nesta empreitada eu não toco, a não ser no show como participação em uma música que gravamos juntos no disco anterior, Danaide. Justamente a canção que dá nome a esse trabalho, Moira, expressão que os gregos usavam para designar fortuna, fado, destino.

Minha passagem pelo palco vai ser muito rápida mas no resto do tempo ela vai estar muito bem acompanhada dos músicos Guilherme Castro e Vladmir Cerqueira nos violões, Avelar Jr. no baixolão, Fred Malverde no violoncelo, Sarah Assis na sanfona e Leo Dias na marimba de vidro e percussão.

No palco Maísa vai apresentar uma formação realmente acústica com todos os instrumentos microfonados, garantindo uma sonoridade rara para o repertório de seu disco.

Há canções inéditas minhas, de Chico Saraiva, Renato Negrão, Mário Sève, Renato Villaça e Estrela Leminski, além de releituras originais para canções de Guinga, Aldir Blanc, Zé Miguel Wisnik, Tom Zé, Elomar e Luiz Tatit. Todas juntas formam uma unidade poética ressaltada pela sonoridade peculiar do disco.

Os arranjos – a cargo de Avelar Jr., Guilherme Castro e Vladmir Cerqueira – ao mesmo tempo densos e concisos, escapam do óbvio num diálogo inusitado com as letras. As letras desse disco merecem uma atenção à parte. Claro que sou suspeito pra falar. Em breve vocês vão poder tirar suas próprias conclusões: www.myspace.com/maisamoura

Postado em 03/08/2008 Blog!

Compartilhe

Sobre o autor

Makely Ka (Valença do Piauí, 1975) é um poeta cantor, instrumentista, produtor cultural e compositor brasileiro. Makely é poeta, compositor e agitador cultural. Atuando em diversas áreas como a música, a poesia e o vídeo. Incorpora à sua produção artística um componente crítico e reflexivo. Autodidata, desenvolveu uma poética musical própria, amalgamando elementos da trova e do aboio de herança ibérica às novas linguagens sonoras urbanas como o rap, do despojamento da poesia marginal ao rigor formal da poesia concreta.

(8) respostas

  1. renato villaça
    04/08/2008 de 08:18 · Responder

    essa maísa aí é uma das poucas cantoras que sabem escolher repertório.
    já escutei um pedacinho do disco e vou dizer.
    tá bonito, viu?

    ah… e no palco ela é ainda melhor…

  2. Luiza
    04/08/2008 de 13:51 · Responder

    imperdível!!!

  3. .ludmila ribeiro.
    06/08/2008 de 18:50 · Responder

    um (eu) presente!

  4. Renato Villaça
    08/08/2008 de 16:54 · Responder

    MATÔ
    A
    PAU!

  5. Renato Negrão
    09/08/2008 de 14:27 · Responder

    maísa,

    um privilégio!

    Renato Negrão

  6. makely
    09/08/2008 de 14:54 · Responder

    Pois é, e pra quem perdeu em novembro tem mais, com direito a CD!

  7. Dani Morreale
    11/08/2008 de 10:04 · Responder

    Então, com CD!!!!!!!!!!

  8. isasidney
    12/08/2008 de 14:44 · Responder

    CONVITE:

    Mil desculpas, por invadir seu blog, mas convido você a visitar a Editora Biblioteca24x7, que comercializa obras pela internet (edição on-line e impressa) e buscar, na seção de ERÓTICOS, esta obra:

    LUA QUEBRADA

    Um romance entre o professor e sua aluna. Banal? Não o jogo de sedução e erotismo de Lua Quebrada. Além de todas as convenções, do alto grau de entrega e do encontro de dois mundos tão diversos, há um sutil jogo de poder entre os protagonistas que põe em cheque a relação entre homem e mulher, entre tesão e amor e, principalmente, entre a razão das convenções sociais e o desafio de quebrá-las em nome de um sentimento ao mesmo tempo tão irracional e tão humano quanto a velha e boa paixão.

    Autor: Isaias Edson Sidney

    Publicação da Biblioteca24x7.

    ISBN: 978-85-61590-45-1

    Só disponível pela Internet, no endereço abaixo:

    http://www.biblioteca24x7.com.br (ÁREA, à esquerda, clique em : ERÓTICO).

    LUA QUEBRADA: PARA INCENDIAR SUA IMAGINAÇÃO!

Deixe uma resposta para isasidney Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top